1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (830 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Como Fazer o Calculo de Férias de Trabalho

Em nosso País, todas as pessoas que são contratadas com carteira assinada tem o direito a 30 dias de férias depois de 12 meses de trabalho na mesma empresa (não necessariamente na mesma função), segundo informações da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Saiba mais informações, acesse: Como Calcular Férias Vencidas

Férias remuneradas e os fatores para cálculos

O tempo de trabalho de cada pessoa é um dos fatores para o seu cálculo de férias. Seguindo nessa linha, o empregador vai ter que saber qual o intervalo entre o vencimento das últimas férias do empregado (ou o começo dos termos de trabalho com a empresa).

Como Fazer o Calculo de Férias de Trabalho

Como Fazer o Calculo de Férias de Trabalho

Calculando as férias

Caso o tempo de trabalho seja maior de 12 meses, o funcionário receberá o valor integral de férias, além de 1/3 do abono. Porém, se o período for inferior, ele receberá proporcionalmente, ou seja, 1/12 por mês trabalhado.

Agora, se as férias não puderem ser tiradas após 12 meses trabalhados, a empresa deve liberar o funcionário nos próximos 11 meses – caso contrário, terá de pagar o dobro da remuneração (inclusive o 1/3 de abono).

Além do tempo de trabalho, o cálculo de férias levará em conta a duração do período de descanso. Afinal, o funcionário pode escolher tirar 30 dias seguidos ou dividir o tempo em períodos menores, que, geralmente, são de 15 dias (pela CLT, as férias devem, necessariamente, ser maior que 10 dias).

Saiba mais informações, acesse: Saiba como Funciona a Aposentadoria Híbrida Requisitos

É possível vender férias?

Muitas pessoas têm dúvidas sobre essa possibilidade. Afinal, é viável ou não? Sim, a lei permite que o empregado “venda” 10 dias de férias para a empresa, ganhando o dinheiro equivalente chamado de abono pecuniário.

No pagamento das férias serão descontadas as contribuições ao Instituto Nacional da Seguridade Social (INSS) e do Imposto de Renda.

Data das férias

A lei não estipula quais os dias que devem ser levados em consideração para início ou término das férias. Dessa maneira, o empregador pode definir a data de acordo com seus interesses.

Porém, esta regra não é válida para funcionários menores de 18 anos, uma vez que têm o direito de ajustar o período de descanso do trabalho às férias escolares. Se o empregado menor de idade tiver familiares que trabalhem na mesma organização, os parentes também poderão tirar as férias na mesma ocasião.

Saiba mais informações, acesse: Aposentadoria e Previdência – Consulta INSS 2017

Como Fazer o Calculo de Férias de Trabalho

Como Fazer o Calculo de Férias de Trabalho

Quando a empresa deve pagar as férias?

Outra dúvida recorrente sobre as férias (e que deve estar no radar do funcionário) é o prazo – estabelecido pela lei – que a empresa possui para o pagamento das férias. Segundo a legislação do País, o empregador tem até dois dias antes do início do período de descanso para pagar o direito.

Para a efetivação das férias na empresa, o empregado irá assinar a quitação de pagamento. Fique de olho no documento e sempre cheque as informações do documento – como datas e valores.

 

 

 

Recomendados para você: