1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (722 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Como Preencher GPS

A GPS, ou Guia da Previdência Social, é mais uma das formas de pagamento para quem almeja se aposentar um dia. A Guia serve para que todos os pagamentos sejam feitos de forma correta, já que ele garante, mês a mês, o recolhimento dessas contribuições feitas tanto pelas empresas que contratam os serviços de um funcionário, quanto dos trabalhadores autônomos e até mesmo empregados domésticos.

Como é feito a GPS?

 A Guia da Previdência Social contém, literalmente, guias para o pagamento de todos os valores em dinheiros arrecadados pelo Instituto Nacional de Segurança Social, o INSS, administrado pelo Governo Federal, a partir do preenchimento do próprio contribuinte.

Como Preencher GPS

Como Preencher GPS

Esse pagamento mensal garante que, no futuro, o cidadão que contribuiu a vida inteira com a previdência social tenha o direto a aposentadoria, assim como outros auxílios como em caso de morte, doença, maternidade e acidente.

Como preencher GPS?

 Para fazer o preenchimento manual da Guia da Previdência Social, existem sete campos obrigatórios, sendo eles:

– Nome do contribuinte e dados como telefone e endereço;

– Data de vencimento;

– Código de pagamento que pode ser consultado na página de cálculo do Guia;

– Competência, ou seja, mês e ano de referência do recolhimento sempre no formato MM/AAAA (mês/ano);

– Identificador com o número do NIT/PIS/PASEP do contribuinte;

– Valor que é devido ao INSS;

– Valor total a ser recolhido ao INSS.

A primeira via do GPS fica sob controle do arrecadador e a segunda fica com o contribuinte para possíveis consultas. Algumas instituições, porém, não retém a via.

Como preencher GPS pela internet?

 Para quem prefere a comodidade de fazer pela internet, também existe essa possibilidade. Para isso, é preciso acessar o carnê on-line no site da Previdência Social. Lá estará tudo certo o que você precisa fazer: indicar que tipo de contribuinte é, assim como o número de registro do INSS. Logo em seguida, aparecerá uma tela com os seus dados, você precisa confirmá-los se estão certos e seguir para a parte de preenchimento do Guia.

No espaço chamado “competência”, basta informar o mês da contribuição atual no mesmo esquema numérico apresentado no modelo manual. Na parte “salário de contribuição” é preciso colocar a renda para calcular o valor da contribuição a partir dele. Depois, insira o seu tipo de contribuição e a data que prefere pagar o carnê. Depois basta imprimir e efetuar o pagamento.

Dicas de contribuição para a previdência social

Todos os direitos e benefícios da previdência são assegurados para aqueles que pagarem mensalmente o valor da contribuição. Esse valor varia conforme a ocupação e também o salário recebido e registrado na Carteira de Trabalho.

Além do preenchimento do carnê de forma manual ou via internet, também é possível optar pelo débito automático em conta, através dos bancos conveniados ou casas lotéricas. O local e forma de pagamento fica a critério de cada um para comodidade e conforto.

Dicas de contribuição para a previdência social

Dicas de contribuição para a previdência social

Podem fazer o pagamento da Guia da Previdência Social:

– Pessoas empregadas com carteira assinada, temporários ou prestadores a órgãos públicos sem concurso;

– Trabalhadores autônomos que prestam serviços sem vínculo empregatício;

– Pessoas que tenham mais de 16 anos e, mesmo assim, não possuem renda própria como estudantes, bolsistas, estagiários e dona de casa;

– Empregados domésticos em geral;

– Trabalhadores rurais que exercem essa atividade como fonte de renda para sustento familiar.

Essas foram algumas informações e dicas a respeito do preenchimento e utilização da Guia da Previdência Social. Se ainda tiver dúvida a respeito de como fazer, valores, melhor forma de pagamento ou até mesmo em que lugar pagar, acesse o site da Previdência ou procure algum especialista no assunto de confiança.

Recomendados para você: