1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (900 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

INSS Cálculo da guia de previdência social GPS

INSS Cálculo da guia de previdência social GPS

Os trabalhadores devem fazer uma contribuição mensal por um tempo específico à Previdência Social, para ter direito à aposentadoria. O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) é responsável pela administração das mensalidades do seguro social e dos pagamentos dos benefícios de aposentados ou pensionistas que contribuíram para se aposentar.

É fácil fazer o recolhimento das parcelas mesmo para quem é trabalhador autônomo.

Imagem:Divulgação

Imagem:Divulgação

Como fazer a contribuição para a previdência Social

O valor da contribuição mensal ao INSS é descontado no salário dos trabalhadores que são contratos pelo regime da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho). As empresas onde trabalham devem repassar os pagamentos à Previdência Social todos os meses.

Já pessoas que atuam como autônomos devem fazer o recolhimento das parcelas usando o carnê ou a Guia da Previdência Social (GPSs) que pode ser impressa no site da Previdência Social. O pagamento pode ser feito em qualquer agência bancária ou casas lotéricas.

Como fazer o cálculo da Guia do GPS

O cálculo do GPS pode ser feito pelo site do sistema do INSS, o Dataprev, no link http://www3.dataprev.gov.br/cws/contexto/captchar/index_cipost2.html.  Também é fácil gerar a Guia e imprimir pelo site, podendo fazer o pagamento nas redes bancárias, nas casas lotéricas e também em débito automático em bancos conveniados ou em terminais de autoatendimento.

Imagem:Divulgação

Imagem:Divulgação

O GPS pode ser gerado no link acima, para um mês escolhido ou para um período específico, que não seja anterior aos últimos cinco anos. No mesmo endereço eletrônico, é possível simular o valor de contribuição de Pessoas Físicas e também empresas.

Tempo de pagamento da aposentadoria

Para ter direito ao recebimento integral da contribuição, os homens devem recolher pelo menos 35 anos, e as mulheres 30 anos. Já na aposentaria proporcional, a pessoa deve ter uma idade e um tempo de contribuição mínima. Os homens podem solicitar a partir dos 53 anos, com 30 anos de contribuição e as mulheres com 48 anos, mais 25 anos de recolhimento.

GPS online

A Guia da Previdência Social é um documento hábil para o recolhimento das contribuições sociais a ser usado pela empresa, contribuinte individual, facultativo, segurado especial e empregador doméstico.

Os documento podem ser pagos de forma direta nos bancos que são conveniados, casas lotéricas, correspondentes bancários, ou mediante débito em conta comandado por meio da internet ou aplicativos eletrônicos disponibilizados pelos bancos.

Guia GPS online

A Guia da Previdência Social (GPS) pode ser gerada através da Internet, sem a necessidade de ir ao Centro de Atendimento ao Contribuinte da Receita federal. Ela pode ser gerada para um mês específico ou para um determinado período, que deve ser inferior aos últimos 5 anos.

Para informações sobre contribuições de empresas ou equiparados dever ser buscadas junto à Receita Federal.

Para calcular guia / carnê (http://sal.receita.fazenda.gov.br/PortalSalInternet/faces/pages/index.xhtml)

Para débito Automático

(http://www.previdencia.gov.br/servicos-ao-cidadao/todos-os-servicos/debito-automatico-da-guia-da-previdencia-social-gps/)

 

Caso haja alguma necessidade, consulte as Tabelas de contribuição mensal dos anos anteriores acessando (http://www.previdencia.gov.br/servicos-ao-cidadao/todos-os-servicos/gps/tabela-contribuicao-mensal/tabela-de-contribuicao-historico/)

Extrato INSS empresa

Para consultar o extrato de Contribuições Previdenciárias de Empresas acesse o link a seguir. (http://cnd.dataprev.gov.br/cws/contexto/aguia02/aguia02.html)

SalwebINSS GPS empregada doméstica

O objetivo do Sistema de Acréscimos Legais (SAL) é o cálculo das contribuições previdenciárias devidas, estando elas em atraso ou não, de empresas e equiparadas, orgãos públicos, contribuintes individuais, segurados especiais, empregado doméstico e facultativo.

Confere, ainda, acréscimos legais pagos em data pretérita, atualiza diferenças de valores devidos pagos a menor, calcula competências sujeitas ao período básico de cálculo – PBC e de recolhimento anual de empregador rural, atualiza valores para restituição e reembolso e facilita consulta a tabelas financeiras e de salários-de-contribuição.

As contribuições sociais e outras importâncias arrecadas pelo INSS e não-recolhidas até o seu vencimento, estão sujeitas a juros e multa de mora determinados pela legislação de regência, incidentes sobre o valor atualizado, se for o caso.

O cálculo pode ser feito através do link a seguir (http://sal.receita.fazenda.gov.br/PortalSalInternet/faces/pages/calcContribuicoesCI/filiadosApos/selecionarOpcoesCalculoApos.xhtml)

Como calcular INSS em atraso código 1163

Através da internet, o cálculo pode ser feito na área que se refere à GPS, dentro da Agência Eletrônica Segurado ou Empregador. Necessita somente procurar na lista completa de serviços ao segurado, as opções “cálculo de contribuições” e “emissão da Guia da Previdência Social (GPS)” para contribuintes individuais, facultativos, empregados domésticos e segurado especiais. Ou cálculo de contribuições para contribuinte empresa e órgão público, dependendo do caso.

A conta é feita de acordo com o salário informado e de acordo com a data da emissão da GPS. Com essas informações, é possível emitir a versão já preenchida, porém sem código de barras, porque ela não é permitida para esses casos. O pagamento da GPS, mesmo em atraso mas com o novo cálculo proporcional, pode ser feito nos bancos, caixas eletrônicos ou casas lotéricas.

Ainda na mesma área, existe a possibilidade de emitir a GPS Eletrônica, com o código de barras para pagamentos sem atraso. Para o uso da GPS Eletrônica é necessário baixar o programa disponível no site da Previdência.

Códigos

Para cada categoria de contribuinte e de modo de pagamento, há um código diferenciado.

Empregados domésticos:

Recolhimento mensal  é o código 1600;

Recolhimento trimestral, o código é 1651.

Contribuinte individual:

Recolhimento mensal é 1007;

Recolhimento trimestral, o código é 1104.

Os contribuintes facultativos:

Recolhimento mensal  é o código 1406;

Recolhimento trimestral, o código é 1457.

Simplificado

A alíquota, nesse caso, é de 11% sobre o salário mínimo.

Os códigos são os seguintes:

Código 1163, se optar pela contribuição individual mensal;

Código 1180, caso prefira a contribuição individual trimestral;

Código 1473, se optar pela contribuição facultativa mensal;

Para mais informações acesse site da Previdência Social  (http://www.previdencia.gov.br/) ou ligue para a Central de Atendimento através do número de telefone 135.

Como proceder para solicitar a aposentadoria

Para dar entrada na aposentadoria, é preciso ir a agências ou postos do INSS que funcionam de segunda a sexta, com horários de atendimento variados.

Aposentadoria INSS (Imagem: Divulgação)

Aposentadoria INSS (Imagem: Divulgação)

 

Algumas atendem de 7h às 17h, outras das 8h às 18h e de 7h30 até 15h. No site e pelo telefone 135, é possível consultar o horário de atendimento de acordo com a localidade da agência do INSS.

O telefone da Previdência Social funciona de segunda a sábado, das 7 às 22 horas (exceto domingos e feriados nacionais).